domingo, 12 de agosto de 2012

Gosto mas não assumo: 'E-e-e stop telephone me-e-e-e"



O Volta Mundo Blogueiro fez um desafio de blogagem coletiva. Que tal se a gente postar algum gosto pessoal do qual sente certa vergonha?

Você gosta de Lady Gaga? pois é, eu não, ou melhor, é isso que eu digo pras pessoas. Eu sou a menina que gosta de Slayer. Que teve várias bandas. Então gostar de Lady Gaga pra mim é uma certa queimação de filme. Mas bom, não é bem de Lady Gaga que eu gosto. É de um único clipe, que me deixou toda impressionada quando assisti pela primeira vez, acho que em 2009. 




Meu deus, pensei, enquanto escondia da vista de todos a descoberta, do novo clipe de Lady Gaga & Beyoncé, "Telephone". Eu fazia estágio no MP na época, e comecei a ouvir a música no repeat, direto do clipe, que conta com quase 10 minutos de duração. Na história, segundo os entendidos, Gaga vai pra prisão depois de assassinar o namorado no clipe anterior (Paparazzi, que eu acho uma chatice sem precedentes), sai da cadeia, e ajuda a Honey B a matar o namorado jackass

A pussy weagon, de Kill Bill, estava lá. E o que era aquele beijo na prisão, Stefanni Germanota? E o ritual de assassinato na lanchonete? e as dancinhas com galera morta? E o visu meio Betty Page da Beyoncé? e aqueles dançarinos fazendo coreografias estranhas? Final meio Thelma & Louise: "We did it, Honey B. Now let's go far far away from here". ❤❤❤

Bom, esse foi o segredo que escondi a sete chaves, até agora. Eu adorei esse clipe, assisti tantas e tantas vezes e gosto até hoje! Não condiz com a minha personalidade de pessoa-chata-que-odeia-pop, mas vai, é sensacional. 

Enjoy. (Tenho até medo do próximo desafio do VMB. Fato). 


Um comentário:

  1. nossa, esse clipe parece mais um curta, prende sua atenção do começo ao fim, tem como não amar?

    ResponderExcluir

Comentários.